De Papo Comigo

O grande vacilo dos homens em encontros amorosos

 

Alguns homens por falta de noção, por indiferença, por tentarem dar boa impressão ou acreditarem que estão sendo engraçadinhos fazem coisas idiotas quando saem com uma mulher(vou me referir estritamente a relacionamentos em fase inicial). Alguns queimam o filme logo no primeiro encontro; outros se esculhambam a prazo.

O grande vacilo é…

…flertar com outras mulheres na frente da parceira

É incoerente um cara chamar uma mulher para sair e flertar com outra. O sujeito é livre para ir ou não a um encontro, não há obrigação de fazê-lo, portanto se presume que há o desejo de estar com aquela mulher…mas… contrariando essa lógica, o camarada coloca a companheira em segundo plano e fica azarando uma outra figura.

Tá certo que paquerar é bom, mas se o indivíduo quer dar uma de conquistador barato o ideal é que saia com amigos. Eles sim são as pessoas adequadas quando o objetivo é galinhar. Não é justo, educado ou sensível fazer isso na frente de uma mulher a qual se tem uma relação amorosa(ou quase).

Pense bem: a moça começa a se preparar pela manhã para esse encontro. Experimenta trocentas roupas, se depila, capricha no banho, passa um monte de cremes pelo corpo, se preocupa com o penteado, gasta preciosas baforadas daquele perfume caríssimo… enfim, há todo um ritual para estar bem na companhia do indivíduo… e quando o momento chega é desprezada, desvalorizada, humilhada. Se reclamar, ainda é tachada de ciumenta e chata. Há ainda os que dizem que não há razão para aquilo, pois é com ela que ele(troféu preciosíssimo) está.

Razões para essa atitude

  1. Alguns tem a intenção de dizer “eu sou livre, não sou de ninguém, não quero compromisso”.
  2. Outros acham que isso é uma demonstração de masculinidade, que vai atiçar ainda mais o interesse da parceira ao criar uma rivalidade com outra mulher.
  3. Há os que são indiferentes mesmo!
  4. Alguns fazem realmente para ferir e subjugar a mulher(razões que só Freud explica).
  5. Tem aqueles que são robotizados. Aprenderam desde criancinhas a olhar para qualquer coisa que se pareça com mulher, pois, afinal, é assim que acreditam que os machos devem agir.

Mas…as mulheres… veem esse tipo de atitude como

  1. Babaquice – O cara é um bundão.
  2. Fraqueza e insegurança – Falta de controle sobre suas vontades. Ele não sabe o que quer. Está com uma pessoa, mas gostaria de estar com outra ou com ninguém. Não tem poder de decisão.
  3. Cafajestice – O cara não presta, não consegue se controlar, quer ser Ô galo no galinheiro.
  4. Perversidade – O sujeito quer causar dor e humilhação na parceira.
  5. Narcisismo/egoísmo- O indivíduo se acha o máximo, quer desfrutar de tudo que acredita ter direito, não abre mão de nada e não liga para os sentimentos dos outros. Quer se exibir, dar uma de gostoso.

As reações femininas

  1. A maioria se corrói. Odeia o cara e a rival, mas muitas vezes não faz nada, pelos motivos mais variados.
  2. Umas reclamam, brigam e exigem respeito.
  3. Algumas também estão ocupadas flertando com outros caras.
  4. Outras não tão nem aí, pois o que querem é que ele pague a conta.
  5. Tem também as egocêntricas, que mesmo que o sujeito esteja com o pescoço virado para o lado oposto elas acreditam que ele está adorando a sua companhia.
  6. Muitas acham natural… é coisa de homem.

Os recados

  1. Se você quiser realmente conquistar uma mulher e ser visto com Ô cara…irresistível!… Comece abandonando esse hábito. Há mulheres que suportam por carência afetiva ou devido ao condicionamento machista de tolerância à patifaria masculina, mas nenhuma mulher vê um cara que a desrespeita e a coloca em segundo plano como um homem realmente encantador.
  2. Aprenda a abrir mão! Você vai progredir em todos os setores da sua vida com esse simples ato. Não dá para ter tudo o que se quer, portanto se você deseja ter muitas mulheres ao mesmo tempo deve sair desacompanhado ou procurar uma suruba.
  3. Se optou por estar com uma única pessoa tente explorar o máximo desse contato, descobrindo o que há de bom, ruim, interessante ou seja lá o que for na mulher em questão… mas esteja com ela.
  4. É interessante se perguntar o que se ganha com isso. Se o objetivo é mesmo sacanear, deve ir fundo… está no caminho certo. Mas se pretende estar com essa pessoa mais vezes, se acha que a mulher é legal, atraente e tem tudo a ver com você, então não deve envenenar um relacionamento que poderia ser muito gostoso devido a uma atitude babaca e insegura.

Há exceções

Obviamente, se o sujeito se apaixonar a primeira vista, o que é raro, aí sim vale à pena abandonar na hora a pessoa a qual se está e cair nos braços da outra.

Eu conheço um cara que fez isso. Ficou um tempão a fim de uma moça e a conquistou. Estavam em um restaurante, num carnaval, e viu um mulher passar dançando pela rua. Levantou, foi atrás dela e engrenou um tórrido romance de férias. Nem voltou para se despedir da outra.

Mas, no geral, o cara flerta por flertar e não para tomar uma atitude objetiva como foi a do meu conhecido, o que faz com que essa massagem momentânea do ego ocorra às custas da dor de outra pessoa. O mané nem fica com a mulher a qual ele está flertando; nem ganha a admiração e a confiança de sua parceira.

Por Helô de Castro

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.